TRT do Maranhão abre inscrição para estágio

18 de julho de 2014

Publicado em 18-07-2014 – às 14h48min

Estão abertas até o dia 8 de agosto, às 18 horas, as inscrições para o seletivo de estágio de nível médio e superior no Tribunal Regional do Trabalho do Maranhão.

O valor da bolsa de nível superior é de R$ 650,00 mais o auxílio transporte por dia de estágio e de nível técnico é de R$ 415,00 mais o auxílio de transporte diário.

Para o nível superior, estão sendo ofertadas vagas nos cursos de Serviço Social, Pedagogia, História, Odontologia, Ciências Contábeis (ou Contabilidade), Arquitetura e Urbanismo (ou Arquitetura), Direito, Ciência da Computação, Biblioteconomia, Letras, Comunicação Social (nas áreas de Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda), Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Administração, Ciências Econômicas (ou Economia) e Matemática.

Para o nível técnico as vagas são destinadas às áreas de Técnico em Eletrotécnica, Técnico em Eletrônica, Técnico em Eletromecânica e Técnico em Edificações.  Além destas, o Tribunal também está oferecendo vagas para nível médio, no qual o aluno deverá estar matriculado e cursando somente o 2º ano.

As principais orientações

- O candidato deverá estar regularmente matriculado e com frequência efetiva em curso de nível médio ou superior;

- O candidato deverá ter disponibilidade para estagiar no local da vaga;

- O candidato deverá ser maior de 16 anos;

- Não poderão se candidatar às vagas estudantes matriculados no último semestre do curso.

A aplicação das provas acontecerá no dia 31 de agosto e a divulgação final do resultado será no dia 22 de setembro. Clique aqui para se inscrever.

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Coisa pra macho! Carol Muniz nua pelada na Sexy de Julho 2014

18 de julho de 2014

Publicado em 18-07-2014 – às 14h18min

Carol Muniz nua pelada na Sexy de Julho 2014 – Fotos digitais e Making of da linda e gostosa Carol Muniz, ex-assistente de palco de João Kléber, que mostra tudo na Revista Sexy de Julho de 2014. Veja o vídeo e as fotos da Carol Muniz, a modelo baiana de 28 anos, pelada na Sexy de Julho 2014.

Carol Muniz nua pelada na Sexy de Julho 2014

Carol Muniz nua pelada na Sexy de Julho 2014

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Revista Sexy de Julho 2014 - Carol Muniz nua pelada

Carol Muniz nua pelada na Sexy de Julho 2014

Carol Muniz nua pelada na Sexy de Julho

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Não Mentirás

17 de julho de 2014

Do blog.kanitz.com.br - Publicado em 17-107-2014 – às 09h41min

Somente seremos um país de verdade, quando colocarmos Não Mentirás em primeiro lugar.

Os 10 mandamentos podem ser considerados umas das primeiras constituições ou cartas de princípios a reger um povo.

Contém os princípios que, na visão do seu formulador, permitiriam àquele povo nômade e errante se instalar em Canaan permanentemente, de uma forma harmoniosa e civilizada.

Poderíamos considerar os 10 mandamentos a primeira constituição a ser criada no mundo, embora pela simplicidade do conceito de Estado na época, o mais correto seria definir os 10 mandamentos como um código de ética.

São 10 princípios básicos, o primeiro estabelecendo o poder de autoridade que regeria aquele povo, Deus.

O segundo mandamento, mas o primeiro a tratar de assuntos mundanos regia: “Não Mentirás”.

A Constituição de 1988 possui mais 1350 preceitos e princípios básicos que regem a nação brasileira.

Não mentirás, por exemplo, não faz parte dela.

Nossa Constituição inclui pérolas como: “Os requisitos a que se refere o Inciso I do parágrafo anterior serão reduzidos em cinco anos, para o professor que comprove exclusivamente tempo de efetivo exercício das funções de magistério na educação infantil e no ensino fundamental e médio.

Não Mentirás” não faz parte dos princípios básicos da nossa nação, da nossa Constituição, e nem da nossa ética.

Quantos problemas poderíamos ter evitado se “Não Mentirás” fosse parte dos nossos princípios básicos como nação, de nossos políticos, de nossas campanhas eleitorais?

Quando um namorado ou namorada é flagrado mentindo, normalmente se rompe o relacionamento e fim de papo.

Mentiu uma única vez em uma questão importante é o suficiente para o fim de qualquer relacionamento.

Infelizmente no nosso Congresso isto não ocorre, e nossos deputados podem mentir, porque “Não Mentirás” não está na nossa Constituição, nem cláusula pétrea é, está no código civil.

Não há dúvida em minha mente que somente faremos um país mais solidário, justo e seguro se tornarmos este país menos mentiroso.

Por razões culturais, fui criado com uma ética muito forte de não mentir e sempre dizer a verdade.

Isto me traz inúmeros problemas sociais, porque não consigo me sair bem quando me perguntam se gostei do café ou do jantar, do discurso do meu chefe ou da roupa da minha esposa.

Em países latinos, mentir para o bem dos outros faz parte da cultura.

Entre não magoar e não mentir, preferimos não magoar.

Seu vestido está lindo, querida.”

Recebo dezenas de emails elogiando a minha “coragem” de dizer verdades que precisam ser ditas.

Um elogio curioso e assustador, pois não é isto o que todo mundo deveria estar fazendo?

Verdade deveria ser o “default” da sociedade, o princípio básico, condição sine qua non de qualquer artigo publicado em qualquer lugar.

Eu quero políticos que me representem dizendo a verdade.

Eu quero amigos que me digam sempre a verdade, toda a verdade e somente a verdade.

Aliás, esta é a minha definição de um verdadeiro amigo.

Aquele que me diz a verdade.

Somente seremos um país de verdade, quando colocarmos “Não Mentirás“, em primeiro ou segundo lugar.

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Revista Playboy Julho 2014 – Vanessa Mesquita BBB14

14 de julho de 2014

Publicado em 14/07/2014 – {as 16h47min

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Revista Playboy - Vanessa Mesquita BBB14

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Aos que gostam (rsrsrsrs): Cheirar pum pode prevenir câncer, ataque cardíaco e demência, diz estudo

12 de julho de 2014

Do ultimosegundo.ig.com.br – 12/07/2014 – às 15h39min

Britânicos até criaram um composto em laboratório que imita os benefícios causados pelo mau cheiro
Um grupo de cientistas da Universidade de Exeter, no Reio Unido, divulgou esta semana a informação de que cheirar pum pode prevenir uma série de doenças, como o câncer. A notícia foi publicada pelo site da revista americana “Time”.

Composto foi batizado de AP39: “Ele tem sido aplicado em pequenas doses às mitocôndrias.”
Embora esses gases possam ser nocivos quando inalados em grandes quantidades, os pesquisadores acreditam que uma cheirada aqui e outra ali tem o poder de reduzir os riscos de câncer, acidentes vasculares cerebrais, ataques cardíacos, artrite e demência.
Os cientistas estão tão convencidos que decidiram criar em laboratório seu próprio composto capaz de imitar os benefícios do pum. “O sulfeto de hidrogênio, produzido enquanto as bactérias da comida se decompõem no corpo, pode resultar em futuras terapias para uma variedade de doenças “, disse o doutor Mark Wood em um comunicado da universidade.
Já o professor Matt Whiteman, que trabalhou no estudo que será publicado na revista “Medicinal Chemistry Communications”, disse que o composto foi batizado de AP39: “Ele tem sido aplicado em pequenas doses às mitocôndrias.”
Portanto, da próxima vez que quiser sair do elevador lotado antes que ele chegue ao seu andar, pense que aqueles minutos de sufoco podem salvar sua vida.

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Site da nike permitia camisetas personalizadas hostis as oposicões mas não a Dilma e ao PT empresa até agora não deu explicacao convincente

12 de julho de 2014

Da veja.abril.com.br – Publicado em 12/07/2014 – às 14h53min

Imediatamente, tentei repetir a simulação que ali é feita. Já não era mais possível. Àquela altura, não tinha como ter a certeza de que se tratasse, realmente, do site da Nike, embora tudo indicasse que sim. Deixei para a hoje a confirmação. Está confirmado, como se lê em texto abaixo, publicado no Globo Online. Leiam. Volto em seguida.
A fornecedora de material esportivo da Seleção Brasileira, Nike, vetou a venda de camisas personalizadas com as palavras PT, Dilma Rousseff, Lula e mensalão. Contudo, até quinta-feira, era permitido personalizar dizeres com os nomes dos candidatos da oposição Aécio Neves e Eduardo Campos.
A restrição foi divulgada pelo usuários Twitter @CarlinhosTroll que tentou escrever “FORA DILMA” e “MENSALÃO” com o número 13 — usado pelo PT — e foi vetado pelo sistema. Contudo, era permitido comprar uma camisa personalizada com a expressão “FORA AÉCIO” e “FORA PSDB” até a quinta-feira. Qualquer frase contendo a sigla “CBF” também era barrada pelo sistema da personalização.
Após a viralização de um vídeo na internet mostrando a contradição, o nome do candidato tucano à Presidência da República e do PSDB também foram vetados. Na manhã desta sexta-feira, o GLOBO tentou personalizar uma camisa, mas o sistema não abriu a opção. Procurada, a fornecedora de material esportivo informou em nota que “não é filiada a nenhum partido político, não só no Brasil como no mundo todo”. Informou ainda que “o sistema do website nike.com, como descrito na própria página, não permite customizações com palavras que possam conter qualquer cunho religioso, político, racista ou mesmo palavrões”, e que “sistema é atualizado periodicamente visando cobrir o maior número de palavras possíveis que se encaixem nesta regra”.
Voltei
Ok. É evidente que a Nike não é filiada a nenhum partido político, como diz a nota. Empresas não se filiam a partidos no Brasil — e, até onde sei, nas democracias mundo afora.
A resposta da empresa é amplamente insuficiente. Existe um programa por trás da ferramenta que permitia a personalização das camisetas. E ele permitia “Fora Aécio” e “Fora PSDB”, mas não “Fora Dilma” e “Fora PT”. Isso quer dizer que alguém programou para que as palavras “Fora” e “PT” não pudessem compor uma unidade, mas não viu nada demais em compatibilizar “Fora” e “PSDB”, por exemplo, o mesmo valendo para Campos.
Diz a empresa que “o sistema do website nike.com, como descrito na própria página, “não permite customizações com palavras que possam conter qualquer cunho religioso, político, racista ou mesmo palavrões”. Isso é que está escrito lá. Mas o fato é que permitia mensagens hostis à oposição, mas não ao governismo. Quando há uma flagrante contradição entre o princípio anunciado e a prática, alguma explicação tem de ser dada, não?
A questão é, aparentemente, irrelevante. Só aparentemente. Faz parte do processo de construção da hegemonia partidária, que busca a uniformização da opinião e a ditadura do partido único, a naturalização da discriminação de quem pensa diferente do partido que se pretende majoritário. No site da Nike, alguém achou que era natural e conforme os princípios vetar as palavras “Fora Dilma”, mas que não havia impedimento nenhum no “Fora Aécio”.
A resposta da Nike me lembra a que recebi, certa feita, de uma empresa de alimentos. Sou alérgico a gergelim — alergia do tipo que mata mesmo! Consumi um pão de forma certa feita e fui parar no hospital. Nos ingredientes, não constava a existência do dito-cujo. Não havia nem mesmo aquele “este produto pode conter resquícios de…”. Nada!  A empresa insistia em me dar a seguinte resposta: “Nossos produtos são feitos seguindo as mais rigorosas normas de etc. etc. etc”. Ah, disso, eu já sabia. Eu queria saber a razão da minha crise. Acabaram admitindo que, no processo industrial, o gergelim acabou se imiscuindo no pão que eu consumira. Vale dizer: era mentira que os produtos fossem feitos “segundo as mais rigorosas regras etc. etc. etc.”. Quando menos, as regras não eram rigorosas o bastante para impedir alguém de consumir involuntariamente algo que poderia matá-lo.
A Nike continua a dever uma explicação. Quando menos, está convidada a demonstrar o que há de errado no raciocínio que vai aqui.
Por Reinaldo Azevedo

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Federalização da Educação Já! Senado discute a realização de um plebiscito para a federalização da educação

12 de julho de 2014

Publicado em 12/07/2014 – às 09h03min

plebiscito

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado vai discutir na próxima terça-feira (15) nove itens, entre eles, o projeto de Decreto Legislativo (PDS-460/2013), de autoria do senador Cristovam Buarque (PDT-DF), que propõe a realização de um plebiscito nacional sobre a transferência para a União da responsabilidade sobre a educação básica.

O projeto conta com relatoria favorável do senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP). Buarque também é autor de uma proposta de emenda à Constituição (PEC 32/2013) que determina a federalização do ensino básico, em tramitação na Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ).

Atualmente, os estados e municípios são responsáveis em custear, em sua maior parte, a educação infantil e os ensinos fundamental e médio. Caso o PDS seja aprovado, a consulta pública deverá ser realizada juntamente à realização do primeiro turno das eleições deste ano, onde o cidadão deverá responder: “O financiamento da educação básica pública e gratuita deve passar a ser responsabilidade do governo federal?”.

Além da consulta no primeiro turno da eleição, será assegurado tempo de TV e rádio para que partidos políticos e frentes suprapartidárias da sociedade civil possam fazer as suas campanhas a favor ou contra a federalização da educação de base. Em seu parecer favorável à realização do plebiscito, o senador Randolfe Rodrigues disse que “federalizar não significa centralizar a gerência da educação básica nas mãos do governo federal, mas sim garantir a responsabilidade da União pelo seu financiamento”.

O projeto ainda será examinado pela Comissão de Assuntos Econômicos e pela CCJ.

Fonte: Revista Forúm.

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Olha esta notícia aí Professores de Alto Alegre do Pindaré! Prefeitura de Viana paga abono aos professores e injeta R$ 4 milhões na economia local

10 de julho de 2014

Do www.luiscardoso.com.br – Publicado em 10/07/2014 – às 13h41min

Prefeito de Viana, Chico Gomes

Prefeito de Viana, Chico Gomes

Os professores efetivos e contratados da Rede Municipal vianense tiveram uma grata surpresa ao conferirem o saldo bancário neste final de junho. A prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, além de pagar o salário de junho, dentro do mês, ainda reforçou a grana dos mestres concursados com R$ 3.000,00 (três mil reais de abono por matrícula) + 50% do décimo terceiro salário.

Foguetes pipocaram nos ares da cidade dos lagos; muitas dívidas foram pagas e o comércio agradeceu pelo incremento de recursos no caixa. Os contratados também foram beneficiados com R$ 2.000,00 (dois mil reais de abono) e também receberam, além, do salário base, + 50% do décimo terceiro salário. E mais: todos passam agora a ter ajuda de custo para deslocação para lugares distantes, calculados a partir do perímetro percorrido até o local de trabalho.

Os benefícios atendem à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) na qual os municípios devem designar 60% dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – FUNDEB. Em reunião com o secretário de educação, Oliveira Júnior, o prefeito Chico Gomes determinou prioridade no repasse aos profissionais de educação.

“Estamos cumprindo o que determina a Lei, valorizando os nossos professores, pois esse abono só foi concedido uma só vez nos últimos oitos anos”, disse o gestor.

Segundo apurou nossa reportagem, um professor que detém duas matrículas municipais, recebeu R$ 12.998,68 brutos. Com os descontos, o servidor recebeu líquido R$ 11.798,77 somente de abono. Segundo uma professora que manteve o nome em sigilo, “agora sim, estamos sendo valorizados e tendo nosso trabalho reconhecido. Agradeço ao prefeito Chico Gomes e ao secretário Oliveira Júnior, por se sensibilizarem com a nossa luta. Vou pagar algumas dívidas e até guardar na poupança o restante do meu abono”, declarou com ar de satisfação.

O prefeito Chico Gomes comentou ainda que uma de suas prioridades é aumentar o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) do município. É a “nota” do ensino básico no país. O Ideb da Rede Municipal de Viana hoje ainda é considerado baixo, numa escala que vai de 0 a 10. O MEC (Ministério da Educação) fixou a média 6, como objetivo para o país a ser alcançado até 2021.

O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar (ou seja, com informações enviadas pelas escolas e redes), e médias de desempenho nas avaliações do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), o Saeb – para os Estados e o Distrito Federal, e a Prova Brasil – para os municípios.

“Estamos nos apoiando em três vertentes para melhorar o nosso índice: reforma ampliação e climatização com ar condicionado de todas as escolas municipais; valorização e qualificação permanente dos nossos professores e merenda escolar de qualidade para os nosso alunos”, comemorou o prefeito. “Ainda este mês, em comemoração ao aniversário de Viana, estaremos entregando várias escolas – lindas -todas reformadas, ampliadas e climatizadas, para que nossos alunos tenham mais conformo e condições de aprendizado, esse é um compromisso nosso”, concluiu.

O secretário de educação, Oliveira Júnior, tem mostrado muito entusiasmo com a sua nova missão de melhorar os índices educacionais de Viana. “Aceitei este desafio, com todo a confiança do prefeito Chico Gomes e, com o apoio dos servidores da educação, dos alunos e dos pais, queremos muito em breve anunciar as melhorias e avanços na nossa educação”, observou.

O secretário de Planejamento e Finanças, Augustus Gomes, afirmou que desde o começo da gestão já foram repassados três abonos aos professores de Viana. “Os professores vianenses estão sendo remunerados pelo teto nacional; cumprimos 100% das reivindicações e vamos continuar valorizando nossos mestres, pois é assim que se administra com respeito e responsabilidade uma cidade com a importância de Viana”, afirmou.

Repercussão

O super abono pago pela Prefeitura de Viana repercutiu positivamente na Assembleia Legislativa. O deputado Max Barros (PMDB) na sessão desta quarta-feira (2), fez rasgados elogios à atitude do prefeito Chico Gomes em valorizar os professores de Viana. Outra informação que circulou é que muitos prefeitos ficaram surpreendidos e até com uma pontinha de incredulidade diante da ousada tomada de decisão do gestor vianense, pois muitos inda sequer honraram suas folhas de pagamento.

Fonte: Vianensidades

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Olha o que a ilusão em uma seleção do Felipão Boçal e a cachaça faz rsrsrsrsrsrs… morrendo de rir até agora rsrsrsrsrs

9 de julho de 2014

Publicado em 09/07/2014 – às 15h4min

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Confira o que os jornais mundo afora comentam sobre o vexame brasileiro

9 de julho de 2014

Do zh.clicrbs.com.br – Publicado em 09/07/2014 – às 11h29min

Derrota do Brasil por 7 a 1 diante da Alemanha foi manchete dos principais jornais do planeta

Confira o que os jornais mundo afora comentam sobre o vexame brasileiro Reprodução/

Vergonha eterna", diz a manchete do jornal Marca, da Espanha, após a derrota brasileira por 7 a 1 Foto: Reprodução

Futebol é o esporte mais popular do mundo, a prova disso é que os olhares do planeta se voltaram para a semifinal da Copa do Mundo, entre Brasil e Alemanha. Os jornalistas estrangeiros no Brasil, ficaram estupefatos, e os principais jornais noticiaram e comentaram a derrota dolorosa dos anfitriões por 7 a 1 diante dos alemães, que aplicaram a maior goleada sofrida pela Seleção Brasileira na história.

No país da primeira seleção finalista do Mundial de 2014, o jornal Bildcomemora: “essa vitória é para a eternidade”. O portal da revista Kicker ressalta que a Alemanha chocou 200 milhões de brasileiros. “A caminho do Rio”, essa foi a manchete da versão online do jornal Süddeutsche logo após a partida entre Brasil e Alemanha. O site da revista Der Spiegel trata a atuação da sua seleção como “sensacional” e chama de “nocaute” a vitória por 7 a 1 contra o Brasil.

Foto: L'Equipe/Reprodução

No resto da Europa, a corneta também foi grande. Na Espanha, o jornal Marcafala em “vergonha eterna” da Seleção Brasileira. O site do As fala em “sete maracanazos”, lembrando a derrota brasileira na Copa de 1950, diante do Uruguai, no Maracanã. Os franceses do jornal L’Equipe associam uma foto de David Luiz, no chão, com a queda do Brasil no Mundial, e colocam apenas as palavras: “o desastre”. O Corriere Dello Sport, da Itália, chama para a matéria do jogo com “Brasil humilhado”.

Foto: El Tiempo/Reprodução

Pela América do Sul, os uruguaios do Ovación dizem que a Seleção Brasileira foi “esmagada” e que “passou vergonha em sua própria casa”, mas não associaram a derrota contra a Alemanha com a que o Uruguai conquistou contra o Brasil em 1950, no “Maracanazo”. Nos países que foram eliminados pelo Brasil na Copa, o site do jornal El Tiempo, da Colômbia, chama de “Mineirazo” a partida, e fala em “humilhação global” sofrida pelos brasileiros. No Chile, a palavra escolhida pelo jornal La Tercera também foi “humilhação” para falar sobre o 7 a 1 aplicado pelos alemães.

Foto: De Telegraaf/Reprodução

Na Argentina e na Holanda, países que decidirão nessa quarta-feira quem será o adversário da Alemanha na final, e do Brasil, na disputa pelo terceiro lugar, os jornais já projetam uma possível final. O periódico com maior circulação nos Países Baixos, o De Telegraaf, ressalta a grandiosa vitória alemã, fala em humilhação brasileira e destaca a manchete publicada pelos alemães do Bild enquanto o jogo estava 7 a 0, o texto dizia: “e agora que venha a Holanda”. O diário esportivo argentino Olé brincou: “diga-me o que é sete”, em tom de provocação aos brasileiros.

Foto: Olé/Reprodução

O que se observa é um espanto mundial, uma admiração de todos com o resultado. Ninguém, nem mesmo o mais fanático torcedor alemão, ou o brasileiro mais pessimista previa um 7 a 1 nesta semifinal de Copa do Mundo. Um jogo que entra para a história, infelizmente, de maneira trágica para o Brasil.



Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Sendo trollado na empresa por estar dormindo

5 de julho de 2014

Publicado em 05/07/2014 – às 15h32min

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Continua o suplício dos motoristas, na mesma rua… E os buracos sendo colocados no esquadro…

3 de julho de 2014

Publicado em 03/07/2014 – às 16h19min

Alto Alegre do Pindaré. Continua a saga dos motoristas nas ruas de nossa cidade, mais parece que em especial uma, rsrsrsrs, isso porque lá só mora autoridades deste governo, parece que eles gostam mesmo de morar na lama rsrsrsrsr… Não vou dizer mais nada as imagens dizem tudo

buracos2014 (1)

buracos2014 (2)

buracos2014 (3)

buracos2014 (4)

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Seis candidatos concorrerão ao governo do estado no Maranhão

2 de julho de 2014

Do G1 MA – Publicado em 02/07/2014 – às 11h29min

PPL, PSOL, PC do B, PCB, PSTU e PMDB oficializaram candidaturas.
Prazo para realização de convenções acaba nesta segunda-feira (30).

Seis candidatos concorrem ao cargo de governador do estado no Maranhão este ano: o médico José Luís Lago (PPL), os advogados Antônio Pedrosa (PSOL) e Flávio Dino (PC do B), os professores universitários Josivaldo Correa Silva (PCB) e Saulo Arcângeli (PSTU), e o empresário Lobão Filho (PMDB).

A candidatura do advogado Luís Antônio Pedrosa (PSOL), 44 anos, ao governo do estado para as eleições de outubro de 2014 foi oficializada na convenção do partido, realizada no dia 14 deste mês, no Sindicato dos Bancários do Maranhão (Centro). O PSOL lança candidatura própria, sem aliança partidária. No mesmo dia, o médico José Luís Lago confirmou candidatura na convenção do PPL

No dia 27 foi a vez do PMDB oficializar a candidatura do empresário Lobão Filho (PMDB), 49 anos, ao governo do estado, em convenção no campus da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). O partido ainda não definiu quem será o candidato a vice. Coligação ‘Pra Frente Maranhão’ reúne 18 partidos, entre eles PMDB, DEM, PMN, PHS e PT, PT do B, PV.

No dia seguinte, as candidaturas dos professores universitários Josivaldo Correa Silva (PCB), 47 anos, e Saulo Arcângeli foram lançadas. A primeira no Sindicato dos Vigilantes do Maranhão e, a segunda, no Sindicato dos Bancários do Maranhão (Centro). Os dois partidos também saem com chapas puras, sem alianças.

A última candidatura a ser oficializada foi a o ex-presidente da Embratur e ex-magistrado Flávio Dino, 46 anos, cuja convenção partidária foi realizada na manhã deste domingo (29), no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana (Cohafuma), em São Luís. A coligação “Juntos pelo Maranhão” conta o PDT, PSB, PPS, PSDB, PP, PTC, PROS e Solidariedade e PC do B.

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Barbosa diz que comprou briga no STF, mas sai “com alma leve”

1 de julho de 2014

Do noticias.uol.com.br – Publicado em 01/07/2014 – às 14h23min

No seu último dia no STF (Supremo Tribunal Federal), o presidente da Corte, ministro Joaquim Barbosa, disse nesta terça-feira (1º) que “sai com a alma leve”. Ele deixa o tribunal após 11 anos.

“Saio absolutamente tranquilo, como eu disse, com a alma leve, aquilo que é fundamental para mim, o cumprimento do dever”, afirmou ao sair no meio da sessão plenária, sem fazer qualquer discurso de despedida. Contou preferir sair “low profile”.

O ministro, que acabou ganhando status de celebridade com a condenação de figurões petistas no julgamento do mensalão, disse esperar que o brasileiro seja pouco condescendente com o descumprimento das leis.

“É importante que o brasileiro se conscientize da importância, da fundamentalidade, da centralidade da obrigação de todos cumprirem as normas, ouvirem a lei, cumprirem a Constituição. Esse é o norte principal da minha atuação. Pouca condescendência com desvios, com essa inclinação natural a contornar os ditames da lei, da Constituição.”

Questionado sobre sua atuação e seu temperamento dentro do tribunal, alvo de críticas de outros ministros e de advogados, respondeu: “Comprei briga nessa linha, sempre que eu achei que havia desvios, tentativas de desviar-se do caminho correto que aquele traçado pela Constituição. Isso é o que interessa, o resto não tem importância”.

Barbosa avaliou como um “privilégio” o período de 11 anos que passou no STF, com decisões “importantes para o país”.

“[A sensação] É boa, foi um período de privilégio imenso, de tomar decisões importantes para o nosso país. Foi um período que não em razão da minha atuação individual, mas coletivamente, o Supremo Tribunal Federal, teve um papel extraordinário no aperfeiçoamento da nossa democracia. Isso é que é o fundamental para mim.”

Com a sua saída, o ministro Ricardo Lewandowski, atual vice-presidente do STF, irá assumir o comando da Corte interinamente até que seja feita uma eleição protocolar para oficializá-lo no cargo. A votação será realizada só após a volta do recesso do Judiciário, em agosto.


O ministro reiterou que pretende descansar em sua aposentadoria: “[Quero] Poder caminhar livremente pelas ruas, entrar num bar com amigos, com a maior tranquilidade”.

Ao ser questionado sobre política e se pretendia concorrer a algum cargo eletivo no futuro, disse que era “muito pouco provável”. “A política não tem na minha vida essa importância toda (…) Eu não tenho esse apreço todo por essa política do dia a dia”.

Ele também criticou o que chamou de “constante quebra-de-braço” na Corte ao comentar o recente episódio em que Luiz Fernando Pacheco, advogado do ex-presidente do PT José Genoino, foi expulso do plenário. “Com relação a agressões de advogados, essa foi uma das coisas mais chocantes desses 11 anos. (…) [O advogado] perde no argumento e quer ganhar no grito, desmoralizar a autoridade”.

Pacheco acabou retirado por seguranças do plenário após bater boca com Barbosa ao pedir que o tribunal julgasse recurso para que Genoino voltasse a cumprir pena em regime domiciliar.

“Essa constante quebra de braço e tentativa de instrumentalização da jurisdição para fins partidários e para fins de fortalecimento de grupos, de certas corporações, tudo isso é extremamente nocivo à credibilidade do tribunal e à institucionalidade do nosso país”, disse Barbosa.

Aposentadoria precoce

Há 11 anos no Supremo, Barbosa surpreendeu a todos quando anunciou no fim de maio a sua aposentadoria repentina.

Aos 59 anos, o ministro, primeiro negro a presidir a Suprema Corte brasileira, só teria que sair quando atingisse 70 anos, idade em que, pela lei, juízes têm que se aposentar obrigatoriamente. E o seu mandato de presidente só terminaria em novembro deste ano.

Indicado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2003, Barbosa se destacou no tribunal como relator do processo do mensalão do PT, o que o colocou em evidência na mídia.

Mesmo com a aposentadoria, porém, Barbosa não poderá concorrer nas eleições de outubro, porque o prazo em que teria que ter deixado o cargo já passou. Ele tampouco se filiou a qualquer partido político.

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print

Google anuncia fim do Orkut, primeira rede social dos brasileiros

1 de julho de 2014

Da veja.abril.com.br – Publicado em 01/07/2014 – às 14h47min

Serviço sairá do ar em setembro, segundo a empresa

Reprodução

O Google anunciou nesta segunda-feira, por meio de seu blog oficial, que vai desativar o Orkut no dia 30 de setembro. Os usuários da rede social – brasileiros, em maioria – poderão exportar dados do perfil, comunidades e fotos com o uso da ferramenta Google Takeout até setembro de 2016. A partir desta segunda, o Orkut deixa de aceitar o cadastro de novos usuários.

O crescimento de outros serviços — como YouTube, Blogger e Google+ — é apontado pelo Google como o principal motivo para descontinuar o Orkut. “O crescimento dessas comunidades ultrapassou o do Orkut. Por isso, decidimos dizer adeus e concentrar nossas energias e recursos para tornar essas e outras plataformas sociais ainda mais incríveis”, escreveu Paulo Golgher, diretor de engenharia do Google, no blog.

As comunidades, que estão entre os recursos mais populares da rede social, continuarão disponíveis por meio da web após o fim do Orkut. De acordo com o Google, as mensagens de todos os usuários poderão ser acessadas nessa espécie de “museu on-line”. Para impedir que os comentários apareçam no arquivo, os usuários deverão remover o Orkut permanentemente de sua conta Google.

Por meio de uma página de ajuda, o Google informa que em 30 de setembro os usuários serão impedidos de acessar o perfil no Orkut, exportar seus álbuns de fotos para o Google+ e acessar aplicativos e jogos baseados na plataforma. De acordo com a empresa, quem possui créditos para uso em apps e jogos do Orkut deve entrar em contato com os desenvolvedores para verificar se os serviços serão oferecidos em outro endereço após o fim do Orkut.

História — O Orkut foi criado em janeiro de 2004 pelo engenheiro de software turco Orkut Büyükkökten. Ele aproveitou o tempo livre (20% da jornada) que o Google dá aos funcionários para o desenvolvimento de novas ideias. Com grande adesão de indianos e brasileiros — por sete anos, o serviço foi campeão no segmento no Brasil —, a rede despontou como uma das maiores do mundo, brigando do MySpace, serviço voltado à música que dominou o setor entre 2003 e 2006.

Em dezembro de 2011, contudo, o Orkut perdeu a preferência dos brasileiros para o Facebook, que havia desembarcado havia pouco no país. Ficaria claro, nos anos seguintes, que o Google dedicava pouca atenção ao serviço e que, dessa forma, ele sofreria de “morte natural” — ou seja, seria extinto por falta de interesse de usuários e também de seu proprietário. Em 2012, o gigante de buscas começou a integrar ainda mais os serviços do Orkut ao Google+, deixando claro que esse seria sua prioridade em matéria de redes sociais.

Siga por aqui:
  • Facebook
  • Twitter
  • email
  • Print